Atenção!

"(...) apesar de ter mergulhado de cabeça nesse misterioso mundo das lesões neurológicas e suas possíveis consequências, não sou médica. Tudo o que coloco aqui são impressões e experiências pessoais. (...) Enfim, não sou uma profissional da saúde, apenas uma mãe muito, muito, muito esforçada em início de carreira".



domingo, 20 de março de 2011

A Hora da Comida

(Pacote, mamãe escreveu o post abaixo há quase uma semana, mas não achava tempo pra baixar o vídeo... Enfim, só pra temporalizar a coisa. Depois conto porque estou sem tempo pra nada... beijo)

E aí, pacote, beleza?!

Mamãe tá bem-humorada assim porque acabei de ver um filme que valeu por uma cena. Chama "The boys are back", acho que em português é "Os garotos estão de volta" mesmo. Não é muito conhecido. Peguei porque era com o Clive Owen, que a mamãe ama de paixão. Pois bem, o filme é legalzinho, nada demais, mas o que eu gostei mesmo foi de uma sequência em família, retratando o momento de dar papá ao caçula.

Começa com a irmã mais velha tentando dar a papinha, com o bebê na cadeirinha de comer. Não consegue e avisa a mãe: 'Oh, mãe, ele não tá querendo comer'. A mãe dá uma olhada para o pai, enquanto pega a criança e a leva para a pia da cozinha. O pai, por sua vez, se dirige para o quintal que dá para a janela da cozinha, localizada bem acima da tal pia. A mãe senta o neném na pia, abre a torneira e começa a tentar alimentá-lo e distraí-lo com a água ali caindo. Quando isso começa a não dar mais certo, eis que surge o pai em cima do cortador de grama motorizado, fazendo palhaçadas e acrobacias de um lado para o outro. E, assim, o anjinho finalmente se diverte e come!

Bom, filho, se uma cena assim foi parar num filme é mais do que óbvio que realmente isso acontece nas melhores famílias...

Claro que a mamãe já sabia disso, inclusive, várias pessoas já fizeram comentários solidários aqui, contando que também fazem parte do clube dos Ruins de Garfo, mas é sempre bom ter mais uma prova de que o problema é universal.

Mas atenção para a notícia boa: não sei se sou eu que estou me acostumando ou se você realmente está melhorando, mas o fato é que nossas maratonas alimentícias têm ficado mais fáceis. Acho que é um pouco dos dois, adicionando aí uma prática adquirida com o tempo. Estamos nos entendendo cada vez mais. E, pasme, pacote! Até a vovó já consegue te dar almoço!

É isso mesmo. Finalmente, outra pessoa foi autorizada a tentar te dar papá e a experiência, ao contrário de todas as desconfianças da mamãe, foi bem sucedida. Vovó mandou muito bem. Gostei de ver como ela observou mesmo esse tempo todo enquanto fazia palhaçadas e conseguiu captar os macetes e manuseios que eu achei que só eu sabia...

Melhor pra mim, melhor pra você, para todo mundo. Assim, mamãe fica muito mais tranquila no caso de ter que sair, trabalhar... No caso de qualquer imprevisto. Sempre tive medo de algo me acontecer, sei lá eu passar mal ou precisar viajar, e você ficar sem comer.

É isso, filhote, aos pouquinhos, devagarzinho, a gente chega lá. Agora, divirta-se com um vídeo de você experimentando tomate. Na verdade, quando você experimentou propriamente, gostou. O papai colocou na sua boquinha e você chupou feliz. Foi aí que decidi pegar a câmera. Só que a segunda tentativa não foi tão satisfatória. Mas eu juro que você gostou da primeira vez...

Beijo, meu amor.

video

3 comentários:

  1. Dri,
    vc sabe que eu fui uma das que se manifestou sobre o assunto, não é? Pois é... Complementando aquela minha msg (ou post), vou falar sobre a sexta feira na creche: Felipinho comeu 4 colheradas de comida, e mais nada (nem sobremesa). Ontem: 1/4 de pão de manhã e pipoca e batata frita na festa de fim do dia (19:00). Hoje: pera de cafe da manha e quase nada ao longo do dia...
    Já viu, né? Aí, me falam: vc fica muito ansiosa e ele sente isso!!!! Lógico que fico, né??? :)
    Bem, fico feliz pelo AP estar comendo melhor! E vai melhorar sempre mais, em todos os aspectos!!!
    Depois te dou noticias dos meus proximos capitulos!!! :)
    Beijos,
    Patricia

    ResponderExcluir
  2. Ihn...se é pra falar da galera que come mal, preciso dizer que meu filho, na escola, até que come bem...mas final de semana...é um horror! As vezes ele passa o dia todo a base de vento! Ontem comeu: 1 copo de nescau, 2 biscoitos maisena,1 micro pedaço de linguiça e 1 copo de suco. Isso o dia todo até ir dormir! Não houve almoço, nem jantar, só isso mesmo! Tá um magricelo gostoso da mamãe...se é que isso é possível!
    Com certeza AP só vai melhorar...a tendência é essa...ele ir cada vez se acostumando com a comida e com o ato de comer! Parabéns por mais essa melhora!
    Beijosssssss

    ResponderExcluir
  3. Oi querida, a paz do Senhor!
    Vim dar uma espiadinha e conheçi uma mãe dedicada e maravilhosa, Deus te deu esse presente(filho) porque sabia o tanto de amor que ele receberia, voce é especial aos olhos de Deus, "Jesus disse: Eu sou o caminho, a verdade e a vida..." Ele é o caminho, peça a ele, confia nele e tudo ele fará, derrama tuas dúvidas e aflições no altar do Senhor, pois ele sempre estará pronto pra te ouvir, me chamo Talita tenho 29 anos e uma filha de 11 meses, hoje ela começou a tomar Depakot, voltarei outras vezes. Da um beijo enorrrrme em AP por mim rsrsrs , fica com Deus!

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante para nós!